Política

23/01/2022 as 11:43

Governo deve manter 'fundão' em R$ 4,96 bilhões

Ainda assim, a verba representa um volume de recursos públicos recorde para irrigar campanhas eleitorais

fonte
Foto: Ana Volpe/Agência Senado<?php echo $paginatitulo ?>

Por Daniel Weterman

O governo do presidente Jair Bolsonaro deve manter o fundo eleitoral em R$ 4,96 bilhões em 2022, sem pedir um acréscimo para R$ 5,7 bilhões, como cogitado anteriormente, conforme apurou o Estadão/Broadcast com fontes ligadas ao Planalto no Congresso Nacional. Ainda assim, a verba representa um volume de recursos públicos recorde para irrigar campanhas eleitorais. O chamado "fundão" destinou R$ 1,7 bilhão para a eleição de 2018 e R$ 2 bilhões em 2020 - agora partidos terão mais do que o dobro dos valores da última eleição.

Técnicos que estiveram à frente da elaboração do Orçamento entraram em divergência sobre qual deveria ser o valor final do fundo eleitoral, após o Congresso derrubar um veto do presidente Jair Bolsonaro ao aumento dos recursos na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).