Economia

04/01/2022 as 12:02

Produção de petróleo e gás sobe 2,8% em novembro puxada por Petrobras, diz ANP

O aumento da produção foi puxado pela Petrobras, responsável por 73% da produção total do País

fonte
Foto: Geraldo Falcão / Ag. Petrobras / Ag. Brasil / https://agenciabrasil.ebc.com.br/econo<?php echo $paginatitulo ?>

Por Denise Luna
A produção nacional de petróleo e gás natural em novembro totalizou 3,711 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), aumento de 2,8% em relação ao mês anterior, sendo 2,852 milhões de barris diários de petróleo (b/d) e 137 milhões de metros cúbicos de gás natural (m3/d), informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção de petróleo teve aumento de 2,7% na comparação com outubro e de 3,5% em comparação com novembro de 2020. Já no gás natural houve aumento de 3,7% em comparação com o mês anterior e de 8,1% em comparação com novembro de 2020.

O aumento da produção foi puxado pela Petrobras, responsável por 73% da produção total do País. A estatal registrou em novembro 2,726 milhões de boe/d, sendo 2,108 milhões de b/d de petróleo e 98,354 milhões de m3/d de gás natural, altas de 5,3%, 5% e 6,5%, respectivamente.

O pré-sal continua liderando a produção, representando 73,15% do total produzido, ou 2,714 milhões de boe/d, 2,141 milhões de b/d de petróleo e 91,030 milhões de m3/d de gás natural.

O maior campo produtor permanece sendo Tupi, no pré-sal da bacia de Santos, com 874,3 mil b/d de petróleo e 40,9 milhões de m3/d de gás natural, mas que teve queda de 2,69% e 0,89% respectivamente, em relação ao mês anterior.

A queima de gás subiu 20,80% em relação ao mês anterior, mas caiu 12,75% contra outubro, para 3,7 milhões de m3/d.