Mundo

25/11/2020 as 13:57

Escócia é 1º país a oferecer absorventes gratuitos para mulheres

Projeto de lei foi aprovado por unanimidade pelo Parlamento

Agência Ansa
Foto: Ansa<?php echo $paginatitulo ?>

O governo da Escócia aprovou por unanimidade nesta terça-feira (25) um projeto de lei que prevê a distribuição gratuita de produtos de higiene íntima, como absorventes e tampões, para mulheres de todas as idades no país.

Com isso, a nação se torna a primeira do mundo a tomar esta iniciativa, que tem o objetivo de acabar com o chamado "period poverty" (pobreza na menstruação, em tradução literal), que indica o desconforto de mulheres pobres que não têm dinheiro para comprar absorventes.

A decisão foi comemorada pela primeira-ministra do país, Nicola Sturgeon, que classificou a medida como "uma lei inovadora" e uma "política importante para mulheres e meninas".

"Tenho orgulho de votar por esta lei inovadora, que torna a Escócia o primeiro país do mundo a fornecer produtos menstruais gratuitos para todas as pessoas necessitadas", disse no Twitter.

O projeto, que precisa ser sancionado pela premiê, irá custar cerca de 11 milhões de euros por ano para o país.

Os produtos menstruais já estavam disponíveis gratuitamente para estudantes do ensino médio e de universidades, mas agora o projeto determina a oferta a nível nacional.