Mundo

16/10/2020 as 14:57

Canadá é o país mais receptivo a imigrantes no mundo, segundo Gallup

Pesquisa aponta que 95% da população canadense aprova a migração; Canadá facilitou abertura em 2017

A Referência
Foto: CreativeCommons/Alex Guibord<?php echo $paginatitulo ?>

Por Redação

A alta demanda por mão de obra e o fato de ter o quinto maior território do mundo contribuem para que o Canadá figure em primeiro lugar entre os países que mais aceitaram imigrantes em 2019.

De acordo com o Instituto Gallup, a população canadense é altamente receptiva a quem chega do exterior: 95% dos cidadãos veem os migrantes de forma positiva. Nove em cada dez afirmaram que aceitariam o casamento entre um migrante e um conterrâneo.

O Canadá facilitou as políticas de migração desde 2017, quando o primeiro-ministro Justin Trudeau abriu as portas do país a fim de buscar mão de obra nos países emergentes.

A pandemia, no entanto, obrigou o país a desacelerar o fluxo de imigrantes ao Canadá. Até 2020, o país buscava receber mais de um milhão de residentes permanentes até 2021, com metas progressivas. No último dia 6, o país oficializou a permanência dos primeiros refugiados de Hong Kong.

Imagem positiva
Ainda que o presidente Donald Trump tenha cortado a imigração legal pela metade desde que assumiu o cargo, nove em cada dez norte-americanos disseram ver de maneira positiva dividir a vizinhança com imigrantes.

No aspecto casamento, 85% aceitariam uma união com alguém que veio do exterior.

Com uma pontuação menor na pesquisa, os EUA figuram no 6º lugar entre os países que mais aceitam imigrantes.

Há uma diferença, contudo, entre as pessoas que mais se identificam com o local onde vivem e aquelas mais voltadas à cor ou religião.

No último caso, cidadãos mais apegados a normas culturais tendem a aceitar menos os migrantes. No Canadá, essa diferença não existe, apontou a pesquisa da Gallup.