Mundo

05/08/2020 as 11:01

Jornalista italiano Sergio Zavoli morre aos 96 anos

Ele era considerado um dos grandes nomes do jornalismo do país

Agência: Ansa
Foto: Ansa<?php echo $paginatitulo ?>

Sergio Zavoli, considerado um dos grandes nomes do jornalismo televisivo da Itália, morreu nesta terça-feira (4), em Roma, aos 96 anos de idade.

O jornalista, que também era escritor e político, foi o "pai" do "La Notte della Repubblica", um dos programas mais históricos da televisão italiana. Ele foi transmitido entre 1989 e 1990, na emissora "Rai".

Em sua carreira, Zavoli foi comentarista de rádio, co-diretor de notícias, presidente da Rai (1980 - 1986), senador (2001 - 2018) e autor de diversos livros de investigação que marcaram história.

O prefeito de Rimini, Andrea Gnassi, afirmou que o corpo de Zavoli será enterrado na cidade italiana, bem próximo ao do grande amigo e diretor Federico Fellini.

"Esta manhã, com palavras delicadas e precisas, a família de Zavoli transmitiu o desejo de que Sergio 'seja trazido de volta a Rimini para descansar ao lado de Federico'", comentou Gnassi.

O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, também lamentou a morte do jornalista.

"Sergio Zavoli não era apenas um jornalista. Ele era um intelectual: investigou, analisou e contou. Há homens que acreditam que sabem de tudo, ele 'sabia que não sabia'. Zavoli tinha no coração a ética profissional e seu trabalho nunca sucumbiu ao sensacionalismo, favorecendo a mecânica da informação", concluiu.