Mundo

12/06/2019 as 12:40

Uganda registra 1ª morte por ebola fora da RD do Congo

Primeira vítima é uma criança de 5 anos de idade

Agência: Ansa
Foto: Epa / AnsaFlash<?php echo $paginatitulo ?>

(ANSA) - Um menino de cinco anos morreu, vítima do vírus Ebola, em Uganda, onde também foram registradas outros dois novos casos da epidemia, desde o início do surto na República Democrática do Congo (RDC). Esta é a primeira morte pelo vírus fora do Congo.

A informação foi anunciada nesta quarta-feira (12) pelo Ministério de Saúde de Uganda e confirmada pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A criança pertencia a uma família congolesa que havia viajado para a RDC para auxiliar um doente de ebola. Eles, no entanto, retornaram na segunda-feira (10) à cidade fronteiriça de Kasese, no oeste da Uganda.

Acredita-se que os dois outros casos estejam entre os membros dessa família, que foram isolados em um hospital próximo ao Congo.
As autoridades estão tentando determinar como a família, exposta ao vírus no Congo, conseguiu cruzar uma fronteira onde, por meses, autoridades de saúde verificaram possíveis sintomas em milhões de viajantes.

"O anúncio da primeira infecção fora das fronteiras do país segue vários falsos alarmes registrados nos últimos dias", observa a OMS, que "enviou uma equipe de especialistas para Kasese para identificar outras pessoas que poderiam estar em risco".
Durante a atual epidemia na República Democrática do Congo, que começou há cerca de um ano, mais de 2 mil casos e mais de 1,3 mil vítimas foram registrados. (ANSA)