Geral

17/02/2020 as 16:32

Bolsonarista é preso em terra indígena e coloca Ibama nos assuntos mais falados no Twitter

Por se tratar de terra protegida, o comandante da operação do Ibama, Roberto Cabral, pediu para que o invasor saísse da propriedade

Agência Sputnik
Foto: Vinícius Mendonça / Ibama / https://fotospublicas.com/operacao-de-fiscalizacao-na-fl<?php echo $paginatitulo ?>

A detenção em flagrante de Edward Luz aconteceu no domingo (16). O bolsonarista estava tentando impedir a fiscalização do Ibama. O vídeo da detenção está dando o que falar no Twitter.
Enquanto agentes do Ibama retiravam gado dentro da Terra Indígena Ituna Itatá, na região de Altamira (PA), o antropólogo e bolsonarista Edward Luz surgiu com a câmera do celular ligada e dizendo que estava "cumprindo ordem ministerial, do senhor ministro Ricardo Salles", apontando para os índios como "seu cliente".

Por se tratar de terra protegida, o comandante da operação do Ibama, Roberto Cabral, pediu para que o invasor saísse da propriedade, ameaçando com prisão em flagrante. O pedido foi recusado, e o bolsonarista acabou sendo algemado e levado à força.

Procurado pela Folha de São Paulo, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, desmentiu conhecer Edward Luz.