Geral

13/08/2019 as 14:36

Embaixada brasileira em Londres sofre protestos por política ambiental do governo Bolsonaro

Um grupo de ativistas realizou um protesto contra a política ambiental do governo Bolsonaro

Agência Sputnik
Foto: © REUTERS / Peter Nicholls<?php echo $paginatitulo ?>

Manifestação foi marcada no contexto da Marcha das Mulheres Indígenas, que acontece nesta terça-feira (13) no Brasil. Ação criticou a violência contra os povos indígenas e o desmatamento da Amazônia.

O desmatamento na floresta tropical do Brasil cresceu 67% nos primeiros sete meses do ano, de acordo com a agência de pesquisa espacial do Brasil. O governo, por sua vez, vem contestando os estudos, alegando que os dados não são confiáveis.

O amplo apoio do governo ao agronegócio também tem ameaçado as populações indígenas. Ao defender a regulamentação do garimpo em terras indígenas, o presidente Jair Bolsonaro já declarou que as reservas indígenas estão "inviabilizando" o negócio do Brasil, que "vive de commodities".

Um grupo de ativistas realizou um protesto contra a política ambiental do governo Bolsonaro na embaixada do Brasil em Londres nesta terça-feira (13).

Os manifestantes jogaram tinha vermelha sobre o prédio da embaixada e escreveram frases como "No more indigenous blood" (chega de sangue indígena) e "Stop Ecocide (pare o ecocídio) nas paredes.

Ações semelhantes ode solidariedade à Marcha das Mulheres Indígenas ocorreram em embaixadas brasileiras no Chile, Portugal, França, Suíça e Espanha.