Geral

11/05/2019 as 19:43

Bolsonaro é alvo de protesto contra cortes na educação no Rio

Movimentos convocaram ato nacional no dia 15 de maio

Agência: Ansa
Foto: AnsaFlash<?php echo $paginatitulo ?>

(ANSA) - Milhares de pessoas, incluindo líderes da oposição, saíram às ruas do centro do Rio de Janeiro para protestar contra as medidas propostas pelo presidente Jair Bolsonaro, como os cortes na educação pública e a reforma da Previdência, e convocar uma mobilização nacional para o próximo dia 15 de maio.

O evento segue vários dias de protestos esporádicos cada vez mais numerosos promovidos por integrantes do Partido Trabalhista (PT) e outras legendas da esquerda, além de centrais sindicais e universitárias.

O ato é realizado após o anúncio da intenção de cortar os fundos para todos os níveis de ensino, desde o infantil até o doutorado. As autoridades afirmam que os cortes ocorrem no contexto de uma "revisão de gastos" que envolve todos os ministérios.

Na última semana, o Ministério da Educação (MEC) anunciou um corte de 30% no repasse para despesas de custeio e investimentos às universidades e institutos federais. Além disso, bolsas de mestrado e doutorado foram suspensas. O candidato do PT derrotado nas eleições de outubro Fernando Haddad também participou das manifestações. (ANSA)